Nêga constata abandono de escola em Santa Rita do Boto e cobra providências

Noticia Atualizada em 10/10/2017
Nêga constata abandono de escola em Santa Rita do Boto e cobra providências
Foto: Divulgação

A vereadora Maria Alencar (PSD), a Nêga, na sessão de terça-feira, 10 de outubro, relatou ter confirmado a necessidade de regularizar o transporte escolar para os estudantes da Escola Municipal Washington Luiz Teixeira, além do abandono do prédio do educandário.  

 

De acordo com Nêga Alencar, os estudantes da Comunidade Santa Rita do Boto, crianças e adolescentes, são obrigados a saírem de casa às 5h da manhã para chegar na escola às 7h, de modo a enfrentar horas de caminhadas para estudar.

 

Nêga frisou a importância da construção de novo prédio para a escola Washington Luiz Teixeira da comunidade São Sebastião do Boto.

 

“É fácil perceber o abandono pelo Poder Público Municipal a este educandário. O prédio da escola está com a estrutura danificada e por ser uma região de várzea todo ano sofre com a cheia do rio, o que coloca em risco a integridade física dos estudantes”, denunciou.

 

A parlamentar também apresentou requerimento à Prefeitura Municipal de Parintins e ao Serviço Autônomo de Água e Esgoto (SAAE) no sentido de solicitar a perfuração de um poço artesiano na comunidade Santa Rita do Boto.

 

“A falta de água potável, infelizmente, ainda é um problema enfrentado por muitos moradores da zona rural, em especial os moradores da comunidade Santa Rita do Boto”, pontuou.