Base ‘boca de forno’

Noticia Atualizada em 17/05/2017
Base ‘boca de forno’
Foto: Arquivo JRP

A base de sustentação da administração do prefeito Frank Bi Garcia (PSDB) na Câmara Municipal de Parintins não mede esforço para cumprir a determinação do ‘patrão’ para embarreirar ao máximo as ações parlamentares da vereadora Maria Alencar (PSD), a Nêga.

 

Poderio pecuniário

De acordo com um interlocutor do ninho tucano, a ordem é não deixar passar nenhuma proposta, projeto e até mesmo um simples requerimento da única vereadora que se colocou como oposição ao poderio pecuniário da administração de Bi Garcia. A turma gostou das benesses.

 

Marcação cerrada

Pra aumentar ainda mais a ‘marcação cerrada’ dos nobres parlamentares na vereadora Nêga, a aliada de primeira hora da ex-primeira dama e atual secretária extraordinária Michele Valadares, a vereadora Vanessa Gonçalves (Pros), tem perdido espaço na Casa Legislativa, principalmente nas questões relacionadas às políticas públicas para as mulheres. Isso seria motivo de ciumeira.

 

Subserviência

Como obedientes servidores das ordens palacianas, o grupo aliado governamental não deixa passar nada na votação que seja de autoria de Maria Alencar. Um exemplo foi a desaprovação do requerimento que tinha por objetivo convocar audiência pública para discutir com as autoridades e entidades da sociedade civil organizada a possível reimplantação da Secretaria Municipal de Defesa dos Direitos da Mulher.

 

Contra as mulheres

Vale ressaltar que a Secretaria Municipal de Defesa dos Direitos da Mulher foi extinta na atual administração do prefeito Bi Garcia. O órgão de defesa dos direitos das mulheres funcionou durante os dois últimos anos da administração de ex-prefeito Alexandre da Carbrás (PSD). Para as ativistas sociais, a extinção da secretaria da mulher é um retrocesso no processo de empoderamento e luta pelos direitos feministas. Coisas de dona Mi.