Semsa sob fiscalização

Noticia Atualizada em 18/04/2017
Semsa sob fiscalização
Foto: Divulgação

O requerimento da vereadora Maria Alencar (PSD), a Nêga, apresentado na sessão de 18 de abril, chamou a atenção dos presentes na Câmara Municipal. Como diz o ditado popular: onde há fumaça há fogo. É que Nêga solicitou da Prefeitura de Parintins cópias das notas fiscais de compra e serviços da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa). Isso leva a crer que há indícios de irregularidades.

 

Fiscalização

O requerimento solicita, no prazo de 15 dias, os comprovantes de despesas com o pagamento de produtos e das empresas que prestaram serviço para a Semsa no primeiro trimestre de 2017. A vereadora justifica que está apenas cumprindo seu papel de fiscalizar os recursos públicos. A Semsa Parintins tem o comando do secretário Ronaldo Cardoso e Daízes Pimentel.

 

Contra ataque

A pressa em encurralar juridicamente o ex-prefeito Alexandre da Carbrás (PSD) é visível no discurso dos principais aliados do prefeito Bi Garcia (PSDB) na Câmara Municipal de Parintins.

 

Análise

A incumbência de analisar o processo de tomadas de contas da gestão Carbrás, referente ao exercício financeiro de 2016, recaiu sobre os vereadores Telo Pinto (PSDB), Beto Farias (PTN) e Bertoldo Pontes (PSL). Com os documentos em mãos, o trio terá a missão de esmiuçar as possíveis irregularidades financeiras praticadas por Alexandre no seu último ano de mandato.

 

Desaprovação

Pelo discurso do presidente da Câmara Municipal, que inclusive, não poupou adjetivos para o termo “ladrão” quando se referiu ao ex-prefeito, na sessão de terça-feira, 18 de abril, o parecer da comissão de tomada de contas deverá indicar a desaprovação sumária da prestação de contas de Carbraszinho.

 

Frotas de ônibus

O aumento de frotas de ônibus em Parintins tem sido significativa nos últimos meses. Boa parte desses veículos presta serviço para o transporte escolar da Prefeitura Municipal. Corre nos comentários dos especuladores políticos da Ilha que uma das frotas em questão pertence a um dos vereadores da base governista.

 

Dívidas

A aquisição dos referidos veículos seriam um mimo dado por um deputado estadual, tendo em troca o apoio político nas eleições de 2018. Dizem ainda os especuladores da Ilha, que sendo assim, as dívidas financeiras do vereador empresário, talvez, poderão ser sanadas.