Bi Garcia escala Telo e Maildson para tentar, sem sucesso, detonar Carbrás

Noticia Atualizada em 27/03/2017
Bi Garcia escala Telo e Maildson para tentar, sem sucesso, detonar Carbrás
Foto: Marcondes Maciel

O prefeito Bi Garcia (PSDB) resolveu bater forte na gestão do ex-prefeito Alexandre da Carbrás (PSD) e escalou como algozes os vereadores Maildson Fonseca e Telo Pinto, ambos da base aliada do PSDB e da administração na Câmara Municipal.

 

Sem argumento

Como Telo Pinto, que foi incumbido para atuar como o líder do Poder Executivo no parlamento e ainda não aprendeu o princípio básico da retórica política, Bi Garcia reforçou o grupo de ataque com o presidente da CMP, Maildson Fonseca.

 

Sem efeito

Há um entendimento entre os analistas políticos da coluna que as investidas contra o ex-prefeito Carbrás seriam uma forma de levar a opinião pública a fazer a diferença entre a administração de Bi Garcia com a de Carbrás, para assim criar impressão que existe um volume grande de trabalho da gestão tucana.

 

Inexpressividade

Outra análise seria de que Bi Garcia estaria descontente com a parca atuação, articulação e inexpressividade do coordenador de comunicação da Prefeitura, Gil Gonçalves, junto à imprensa local e regional. Ou seja, mesmo a Rádio Clube, com a programação 24 horas a serviço de Bi Garcia não foi suficiente para colocar em evidência a administração municipal, que, diga-se de passagem, não vai bem no quesito popularidade.

 

Carbrás em alta

Nas últimas sessões na CMP, o que se ouviu nos pronunciamentos de Telo Pinto e Maildson Fonseca foram tentativas de imputar todo tipo de negatividade ao ex-prefeito Carbrás, numa clara demonstração de desespero. Ou seja: a ordem de Bi Garcia é desqualificar o ex-prefeito para se tornar “o salvador da pátria”.

 

Carteirada

O estrelismo tomou conta dos vereadores Paulo Linhares (PEN) e Beto Farias (PTN), ao ponto de se acharem as mais importantes autoridades na municipalidade, com direito a “carteirada” para ter acesso direto a qualquer órgão público. Eles esquecem que vereador não é autoridade, e sim representante do povo.

 

Pronto atendimento

Na sessão da CMP de segunda-feira, 27 de março, Linhares, estufou o peito, esbravejou e reclamou pelo fato de toda vez que for ao gabinete da Secretaria Municipal de Educação (Semed) ele seja de pronto atendido pelo secretário João Ribeiro Costa.

 

Desrespeito

Linhares disse que é desrespeito não ser recebido pelo secretário. Sem citar o assunto de tão relevante importância para justificar que o secretário cancele qualquer outro trabalho para atender os vereadores, Linhares disse que ficou à espera na antessala da Semed e nada de ser atendido.

 

Questionamento

Um fato curioso chamou a atenção de quem acompanhava a queixa de Linhares na tribuna da CMP. Entre os presentes na galeria, um cidadão questionou: “Qual o assunto tão importante que os dois vereadores tinham para tratar com o secretário? Esse santo quer reza”. Há quem diga que seria algo relacionado ao processo seletivo.

 

Denúncias

O vereador Beto Farias, por sua vez, disparou várias denúncias contra o secretário João Costa, entre as quais de ser um setor da municipalidade totalmente desorganizado. Outro cidadão, de uma das cadeiras da galeria, alfinetou: “Olha quem cobra. Ele que deu pernada nos seus principais cabos eleitorais”.

 

Solidariedade

E por falar em ataques gratuitos ao secretário João Costa, quando o presidente da CMP, Maildson Fonseca, subiu à tribuna para seu pronunciamento, os presentes na galeria esperavam que Maildson fosse solidário e sairia em defesa do colega professor, o secretário João Costa. Para a decepção de todos, o presidente nem tocou no assunto.